Santa Catarina

Sushi em BC: Temaki Art

por

Oi, gente! Depois de duas dicas de lugares bacanas em Floripa, vou falar de um sushi muito bom que fomos em Balneário Camboriú nessa última viagem, o Temaki Art. O Lucas queria conhecer, então lá fomos nós à BC jantar lá! O restaurante que fomos, na Atllântica, na verdade, é a nova unidade do que já existe pertinho dali, na Alvin Bauer.

Temakiart - moçafresca - sushi 1

O lugar é pequeno e descontraído, por isso não trabalha com reservas. Tem mesinhas pra fora, de frente pro mar,  mas a hora que chegamos só conseguimos pegar uma mesa dentro do restaurante. Bem tranquilo, o dono nos atendeu, super solícito e nos indicou o que de melhor o cardápio oferecia.

Escolhemos alguns pratos clássicos da comida japonesa, como a salada sunomomo, com pepinos, kani e polvo (muito boa), uramaki filadélfia e niguiri de salmão. Pedimos também uma porção de guioza de camarão, aqueles pasteizinhos típicos da culinária chinesa. Muito bons!  Aliás, todos os pratos que pedimos estavam deliciosos! Além dos pratos alla carte, o restaurante disponibiliza dois menus degustação, com pratos e ingredientes diferenciados.

Temakiart - moçafresca - sushi  2 Temakiart - moçafresca - sushi  5 Temakiart - moçafresca - sushi  4 Temakiart - moçafresca - sushi  6 Temakiart - moçafresca - sushi  10 Temakiart - moçafresca - sushi  8 Temakiart - moçafresca - sushi  9

Pra beber, pedimos o Mojito Japonês (vodka, saquê, essência de baunilha, shiso, hortelã, suco de limão e club soda),  o Martíni com Lichia (licor de lichia, Absolut de baunilha, Absolut de tangerina e suco de limão) e o Orange Ki (Jack Daniels, amareto, licor de café, gomos de laranja, suco de maçã, gengibre e canela). Todos os drinks estavam excelentes!

Temakiart - moçafresca - sushi  7

Temakiart - moçafresca - sushi  3

Uma ótima pedida pra quem curte sushi e está por BC!

Temaki Art: Avenida Atlântica, 2174 Balneário Camboriú – Santa Catarina. Telefone: 47 3056-1924.

Beijos,

Nati

Meu look – Boteco Zé Mané

por

Eu amo viajar! E tenho sorte que meu marido também. E não gosto só da viagem em si, gosto dos preparativos, da empolgação dos dias antes, do durante (é claro), e da volta. Amo, também, voltar pra casa. E sempre que nos programamos para ir a algum lugar dou uma pesquisada básica. Gosto de olhar o que vai estar rolando na cidade, quais são os restaurantes que estão bombando, enfim. Apesar de termos ficado só 3 dias inteiros em Floripa semana passada, antes de irmos dei uma conferida no site da Veja Santa Catarina, pra anotar os melhores nos quesitos que me interessavam.

Uma das minhas anotações foi o Zé Mané, que ganhou de melhor boteco, melhor cozinha e melhor caipirinha da ilha. Me interessei, né? Afinal, adoro um boteco e com caipirinha boa, melhor ainda! Na terça-feira marcamos com nosso casal de amigos e compadres, Luana e o João, e fomos lá conferir!

zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 3 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 4

O antigo casarão reformado de frente pro mar no bairro Coqueiros é um charme só. Passando o portão, as várias mesinhas na área externa são as mais concorridas. Por sorte, a gente chegou cedinho e conseguimos uma mesa ótima. Além de estar na parte de fora, ficamos de frente para a calçada! De cara, eu, Lu e João pedimos caipirinhas, Lucas foi de chopp Coruja. Sobre as caipirinhas. Eu pedi a Cravo e Canela com Sr Abacaxi, a Lu pediu a Parreirinha (uva, gengibre e açúcar mascavo) e João, a Onça Pintada (Bergamota com maracujá). Todos pediram com cachaça. A minha estava gostosa, a da Lu só se sentia o gosto da cachaça e a do João estava ótima (tanto que depois fomos só de Onça Pintada!). Adorei os nomes, bem criativos, com jeito de manezinho mesmo. Além dos copos, bem grandes!

zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 16 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 18

Aliás, dentro da casa, frases típicas dos manezinhos da ilha estampam as paredes e quadros negros. Dominós e jogos de tabuleiro também fazem parte da decoração, e do clima do boteco.

Pra comer, pedimos várias coisinhas. O legal é que no cardápio você pode escolher as opções pra comer sozinho ou pra repartir com a galera. Veio queijo coalho (bem gostoso), bolinho de mandioca com carne seca (não achei o bicho), empadinha com carne de siri (achei meio seca) e tábua com picadinhos (queijo coalho, carne, mandioca e alho assado, bom, mas esperava mais). De sobremesa, não pude deixar de pedir a panelinha com brigadeiro de colher, bem gostosa, pena que veio muuito quente. No fim não achei a cozinha assim tão boa a ponto de ganhar nessa categoria. O atendimento também deixou a desejar, demoravam muito pra ver que estávamos sem chopp, pra tirar os pratos da mesa, essas coisas básicas. Mas o ambiente, a companhia e as caipirinhas compensaram! Tava muito bom!

zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 20 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 19 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 17

Agora, vamos falar do look que usei? Praia, né gente? Quando tô na praia quero mais é saber de roupas fresquinhas e de conforto. Lembram desse vestido que usei no casamento da Bibi e do Dindo em outubro? Essa foi a hora de estreá-lo de uma forma mais casual, de rasteirinha! Amo peças assim, que nos permitem transitar por diversas ocasiões. Acho que combinou bem com o clima. Olha só.

zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 12 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 10 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 15 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 9 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 11 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 8 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 7 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 13 zé mané - farm - vestido - praia - moça fresca 2

Palmas pra Lu, que me aguentou fazendo caras e bocas, fotografando o me look!

 Vestido: Farm / Flat: Arezzo / Bolsa: John John / Pulseiras: Morana e Kafé

E aí, gente! Gostaram da dica e do look? 

Zé Mané: Rua Desembargador Pedro Silva, 2360, Bairro Coqueiros, Florianópolis.

Beijos,

Nati