Van and I

por

Oi, pessoal! Hoje, quinta-feira, já faz 11 dias que cheguei em Vancouver! O tempo passa voando. E a rotina começa a se ajustar por aqui. Minha aula começa às 8h30 mas como minha homestay fica a quase uma hora da minha escola preciso acordar bem cedo! Meu despertador toca às 6h20 e a partir daí é um dia inteiro pela frente. Com muitas coisas pra ver, experimentar, tentar, descobrir… Viver uma vida diferente por um período pode ser libertador se você quiser. Escolhi me dar a chance de ser eu mesma numa cidade que ninguém sabe quem eu sou. E mesmo assim tá sendo tão legal comigo (:

foto (7)

As pessoas aqui parece que te adotam. É muito bom se sentir acolhida num lugar tão longe de casa. Sinto falta da minha casa, do meu amor, da minha família, é claro. Mas ter uma nova vida num lugar que você pode sair com segurança, que pra onde você olha tem belezas naturais e Starbucks (hahaha) é realmente muuuuito bom!

Lembrei de uma frase que gosto muito. “Você tem que morar no lugar onde possa viver a vida que escolheu”. E é tão isso! Tão bom se encontrar num lugar. Poder se sentir segura. Ver gente de todos os lugares do mundo interagindo. Conhecer outras culturas. Sim, porque aqui em Vancouver a gente não conhece só a cultura canadense. Já conversei com pessoas da Grécia, Itália, Japão, Korea, Colômbia, México, Polônia… Tudo isso em menos de uma semana! Isso é tão incrível, tão rico! Não tem nem como explicar. Por isso gosto tanto de viajar.  A gente sai da nossa zona de conforto e consegue olhar o mundo com outros olhos.

Só tenho a agradecer (;

Beijinhos,

Nati

comentário(s) via facebook

2 comentários

  1. Gislaine

    Deve ser uma experiência enriquecedora Nati, que só nos engrandece! Bjus, saudades!

    Responder
    1. Nati Grazziotin

      E é mesmo, tia Gis! Não tem preço! Saudades de vocês! :)

      Responder

Deixe seu comentário