janeiro 2011

Meu look: Calça de linho

por
O foco do look que usei hoje pra encontrar minhas amigas foi essa calça de linho. Um tecido que há um tempo atrás nem pensaria em entrar no meu armário! Engraçado como nosso estilo e gosto mudam, né? Que bom. Sinal de amadurecimento.


Só sei que tô gostando tanto que já tenho 2 peças em linho: essa calça e uma bermuda até o joelho, bem soltinha. As duas são da marca mineira Squadro, que usa muito tecidos naturais e tricots em suas coleções. Era uma marca que não conhecia e adorei! Vale super a pena! Em Passo Fundo tem na Casa Gaia.

Aqui dá pra ver o detalhe do tecido da calça. É todo quadriculadinho. No cós e na barra tem uma lista pink bem fininha, aqui dá pra ver bem a do cós. E o cintinho, fixo, é em gorgurão preto.

Meu look – Dia 31.01

Calça de linho – Squadro

Regata cinza – Hering

Rasteira gladiadora – Arezzo

Bolsa – Arezzo

Colar de caveirinha – Morana

Novas coleções de esmaltes!

por
Várias marcas de esmaltes aproveitam que o São Paulo Fashion Week tá rolando pra lançar suas novíssimas coleções, algumas até sem nome e rótulo ainda! O importante é deixar as fashionistas com água na boca e com aquela típica curiosidade, louquinhas pra saber mais.

Não sei vocês, mas eu fico perdida no meio de tantas novas coleções! O problema é que demoram taaaanto pra chegar às lojas, que quando chegam já nem é mais novidade. =P

Acho que as marcas deviam soltar mais rápido, quando todo mundo tá louquinho pra comprar e ver pessoalmente as novas cores, não acham?

Mas voltando ao post, vamos ver as novidades esmaltísticas que vem por aí?


Isabeli Fontana lançou sua coleção Sweet Rock’n Roll para Risqué, na última sexta-feira. A edição é inspirada na personalidade da top (meiga, mas rocker!) e conta com seis cores, todas metálicas. 


Tattoo, cinza chumbo, Isabeli, preto beringela, Azulcrination, azul, Star, glitter furtacor, Psico, roxo intenso e Rock’n’Roll, prata escuro.


O tom preferido da top? O que leva seu nome, Isabeli, um preto beringela. Aqui ela usou o Star por cima. Foto do Achados da Bia.

A super consolidada parceria da Risqué com Reinaldo Lourenço não poderia deixar de acontecer, né! Todo ano a gente espera pelas novas cores, sempre fashionísticas!

Serão 9 novas cores, mas elas ainda não têm nome, e nem a coleção tem nome ainda! E pra piorar, sem data de lançamento prevista. Chato isso, né?


Aqui, Reinaldo Lourenço mostrando os misteriosos vidrinhos. Algumas cores foram usadas no desfile. Nenhuma cor me cativou, sabe?  Foto: Unha Bonita.



Já a Impala apostou nos tons perolados (tendência!) para sua nova coleção, que foi desenvolvida em parceria com o São Paulo Fashion Week e inspirada no universo militar vintage.

São cinco cores: Verde Militar, Vermelho de Guerra, Metal Glam, Azul Aviador e Na mira 3D, que é feito com micro partículas coloridas de glitter para atingir o efeito de profundidade. É tipo aqueles holográficos, sabe?

Detalhe do Na mira 3D


E a Dote lançou uma coleção em parceria com a Neon, de Rita Comparato e Dudu Bertholini. Cada uma das seis cores leva o nome de uma mulher que inspira a dupla de estilistas. A coleção chega às lojas entre abril e maio.

Cores: Yufon, Danuza, Alice, Diana, Musa e Cristina

Porque verão tem que ter chapéu!

por
No verão um bom chapéu faz a diferença. Seja para esconder e proteger os cabelos, a cabeça e a pele do sol ou para fazer um estilo, é sempre bom ter um chapéu a mão na estação mais quente do ano, né?

E três modelos de chapéus fazem muito a minha cabeça. O fedora, o panamá e o de abas largas, chiquérrimo!

Vamos falar um pouquinho deles?

Fedora . Criado na primeira metade do século 20, o Fedora é feito de feltro no mesmo formato do chapéu Panamá. Esse tipo de chapéu foi muito usado por atores americanos em filmes como Casablanca e foi imortalizado por grandes personagens como o aventureiro Indiana Jones e Michael Jackson.

Katie Holmes com um fedora

Panamá (já falei dele aqui, lembram?) . Apesar do nome, o clássico chapéu Panamá é feito no Equador.  Acredita-se que quando o então presidente norte-americano Theodore Roosevelt participou da inauguração do Canal do Panamá, em 1914, recebeu um de presente. Não sabendo sobre sua procedência, agradeceu o chapéu, se referindo a ele como Chapéu Panamá. Cada peça é feita artesanalmente e dependendo da sua qualidade pode demorar meses para ficar pronto.

Na capa: Carla Bruni com um panamá, cool.

 Abas largas . Também conhecidos como Floppy, são elegantes e ideais para a praia, já que protegem mais o rosto. São super femininos e garantem sofisticação, tanto os de palha como de algodão.




Muito glamour com chapéu de abas largas e bata soltinha

. E então, qual chapéu faz sua cabeça?

Pequenas, mas indispensáveis

por
A bolsa-carteira é item indispensável em looks noturnos. Serve para levar documentos, chave do carro e se sobrar espaço, um batom e make básico. Pra nossa sorte, ela é facilmente encontrada em muitas formas, tamanhos, cores e materiais.

As tradicionais bolsas-carteira da italiana Bottega Veneta

Uma dica bacana é investir em uma bolsa-carteira ousada, com uma cor diferente, ou em um formato original, porque aí é só colocar um vestido mais básico e, voilá, a produção fica com cara de elaborada no ato. Mas pra quem não gosta de ousar, a aposta são os modelos prateados e dourados.
As bolsas inusitadas e criativas de Judith Leiber
Obs. Lembram da bolsinha de cupcake de Sex and the City?

. Várias marcas nacionais tem bolsas-carteira lindas. A Arezzo é uma dessas marcas que cada vez mais estão apostando neste segmento. Vale a pena ficar de olho!